Hoje eu vou compartilhar com vocês outro livro que eu gosto muito, que a autora é Nora Roberts.

Na época que me formei (2009), eu estava naquela ânsia de conseguir um emprego, com a cobrança de todos os lados, em busca de inserção profissional eu acabei surtando um pouco. Eu sempre fui uma leitora nata, mas nessa época intensifiquei isso. Lia um livro por semana, porque pegava emprestado na antiga biblioteca do metrô (Embarque na Leitura) e foi aí que uma funcionaria me indicou esse livro. Eu nunca tinha lido nada de Roberts e confesso que esse livro virou o meu preferido dela. Não sei se por ser o primeiro lido ou pela fase em que estava passando, só sei que a história vale muito a pena e você vai se apaixonar pelos personagens. 


O livro conta a história de Ryan Swan e Pierce Atkins. Ela trabalhava com o pai e precisava provar o seu valor. E Atkins era um famoso ilusionista que dificilmente negociava com produtoras de televisão. Ryan tinha que a todo custo provar para o pai que saberia negociar com o famoso ilusionista, só que no meio da negociação ela não esperava que Pierce fosse a cativar de tal maneira a ponto de negociar um número mortal em frente a TV. 


O livro tem um quê de sensualidade e romantismo, que nos faz perder o fôlego de vez em quando. A Nora escreve romances de uma forma brilhante, e esse foi um dos dela que mais gostei. A forma como o ilusionismo, o impressionismo é colocado no livro, nos faz querer mergulhar na história e aí você passa a querer viver com os personagens. Ryan queria provar para o pai que era uma boa profissional e eu me via assim, querendo provar para os outros que era capaz de trabalhar na área pela qual me dediquei por quatro anos e foi por isso que na fase em que eu estava esse livro foi tão bom, consegui esquecer a pressão e o estresse em que vivia e me libertar da sensação de impotência por não ter ainda um emprego, afinal fazia quinze dias que estava formada, e Ryan e Pierce me ajudaram a esquecer um pouco e mergulhar nessa história!






7 Comentários

  1. Oi, Dê!
    tenho uma teoria de que a gente atrai as leituras conforme o nosso tempo/momento de vida.
    Acho que foi isso que aconteceu com você!

    Gostei da forma como você trouxe este momento da sua vida para nós!

    Beijos,

    Algumas Observações

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fê, eu estava em um momento conturbado e me identifiquei muito com a Ryan! Terminar a faculdade é um processo pelo qual deveríamos ter como matéria de vida, ainda bem que deu tudo certo no final!
      Hehehe
      Bjs

      Excluir
  2. Oi Denise
    Adoro os livros da Norinha!
    Puxa, a biblioteca do metrô era bem bacana!
    Adorei o post
    Bjks mil

    www.blogdaclauo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Claudia, eu adorava aquela biblioteca, foi muito triste terem desativado!
      Bjs

      Excluir
    2. Olá Claudia, eu adorava aquela biblioteca, foi muito triste terem desativado!
      Bjs

      Excluir
  3. Que legal, Dê. É uma fase bem conturbada, mas depois que passa, ufa, dá um alivio.
    Adorei saber um pouco mais do livro.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Mas é uma válvula de escape. Eu, por exemplo, escrevo qndo acho que vou surtar.

    www.carolvayda.com.br

    ResponderExcluir