13 de agosto de 2017

{Resenha} Quando a Bela domou a Fera

Hoje a resenha é sobre o livro "Quando a Bela domou a Fera" de Eloisa James.

Quando fui ao encontro com livreiros da Editora no começo do ano esse livro nos foi apresentado. Fiquei curiosa e salvei ele no cantinho da minha mente para ler assim que saísse. Depois de um tempo, como colaboradora do Blog Skull Geek, eis eu aqui resenhando esse livro.

O livro é sim, um romance com tudo para ser mais um clichê, mas cara! Se fosse por puro clichê juro que eu não estaria aqui falando dele. 

Linnet é uma mulher a frente do seu tempo. Decidida a não seguir os passos da mãe, que a abandonou para viver um romance, faz qualquer homem cair aos seus pés com apenas um sorriso, que é de família, porém ela acabou não prevendo que uns simples beijos com um príncipe a deixasse tão mal falada na sociedade a ponto de ter que se casar urgentemente e é aí que Linnet conhecerá seu futuro quase "noivo".

Piers Yelverton, o conde de Marchant, é um homem bruto, com um humor meio negro e o melhor médico que o País de Gales já conheceu. Piers tem um problema na perna que o faz se sentir imune aos encantos de todas as mulheres. O que ele não esperava era que sua futura "noiva" é tão linda que faz qualquer homem rastejar aos seus pés, ops, qualquer homem não, porque Piers não é qualquer um. 
"Ah, ela tinha o charme da mãe e sabia disso... Zenobia chamava de sorriso da família e dizia que era sua maior herança. Mas o que Linnet não fazia era... Aproveitar-se disso."
Os dois se envolvem em uma deliciosa trama que nos faz rir, se emocionar e torcer para que o final seja sim Feliz 😍.

Quando a Bela domou a Fera é uma releitura do tão antigo e aclamado clássico A Bela e a Fera. E, pelo amor de Deus, que releituraaaa. 
Eloisa com seu jeito tranquilo e ao mesmo tempo claro nos faz a narrativa de um dos melhores livros que já li de romance esse Ano! Não, não estou exagerando! Sabe aquele livro que você lê em dois dias porque precisa dormir, trabalhar e comer? Esse livro fez isso comigo, li rápido e quando terminou queria reler, sério!
"O que havia e belo em seu pai era bruto nele; seus olhos eram azuis, mas gelados, como um inverno rigoroso. Ele não parecia civilizado. Ninguém colocaria aquele rosto em uma moeda, romana ou qualquer outra. Ele parecia muito grosseiro... muito... muito feroz, percebeu ela de repente."
A Linnet é engraçada, otimista, ela acredita no amor, apesar de nunca ter amado. A sua língua afiada e a maneira como ela expõe seus pensamentos e sentimentos faz com que nos apaixonemos por ela. O menina que fala o que quer mesmo sem papas nenhuma na língua, por isso ela está além do seu tempo. 
"E, se os soluços escaparam, se o lenço ficou molhado e salgado, não havia ninguém, além da lua, para ver."
Ah e Piers, o que falar desse personagem, meu Deus, ela é tão duro e as vezes inconveniente no modo de tratar seus pacientes e até mesmo Linnet, mas ela não se deixa intimidar e ele acaba percebendo que Linnet não é só mais um rostinho bonito, é uma mulher inteligente e que não acata a tudo que ele impõe e fala. Porém, ele começa a enxergar a Linnet de uma forma diferente, e acaba mostrando para ela que o amor vai muito além das aparências.
"Por uma fração de segundo, o coração de Linnet palpitou e, então, ela entendeu o que ele estava realmente dizendo."
Eu amei o livro! Indico sim, de olhos fechados! Já estou ansiosa para reler e posso apostar com vocês que farão a mesma coisa assim que terminarem de ler. Vem embarcar nesse romance que vai além das aparências!

Esta resenha foi publicada no Blog Skull Geek



Título: Quando a Bela domou a Fera
Autor: Eloisa James
Editora: Arqueiro
Páginas: 320
Sinopse: Eleito um dos dez melhores romances de 2011 pelo Library Journal, "Quando a Bela domou a Fera" é uma releitura de um dos contos de fadas mais adorados de todos os tempos.
Piers Yelverton, o conde de Marchant, vive em um castelo no País de Gales, onde seu temperamento irascível acaba ferindo todos os que cruzam seu caminho. Além disso, segundo as más línguas, o defeito que ele tem na perna o deixou imune aos encantos de qualquer mulher.
Mas Linnet não é qualquer mulher. É uma das moças mais adoráveis que já circularam pelos salões de Londres. Seu charme e sua inteligência já fizeram com que até mesmo um príncipe caísse a seus pés. Após ver seu nome envolvido em um escândalo da realeza, ela definitivamente precisa de um marido e, ao conhecer Piers, prevê que ele se apaixonará perdidamente em apenas duas semanas.
No entanto, Linnet não faz ideia do perigo que seu coração corre. Afinal, o homem a quem ela o está entregando talvez nunca seja capaz de corresponder a seus sentimentos. Que preço ela estará disposta a pagar para domar o coração frio e selvagem do conde? E Piers, por sua vez, será capaz de abrir mão de suas convicções mais profundas pela mulher mais maravilhosa que já conheceu?

Nenhum comentário:

Postar um comentário


© Copyright 2017 - Embarcando na Leitura. Todos os direitos reservados